quarta-feira, 4 de novembro de 2009

DiA 20 de Novembro-Dia da Consciência Negra

A criação desta data foi importante, pois serve como um momento de conscientização e reflexão sobre a importância da cultura e do povo africano na formação da cultura nacional. Os negros africanos colaboraram muito, durante nossa história, nos aspectos políticos, sociais, gastronômicos e religiosos de nosso país. É um dia que devemos comemorar nas escolas, nos espaços culturais e em outros locais, valorizando a cultura afro-brasileira.

Um exemplo na area da beleza:

Trança Afro

Para fazer trancinhas afro nã é preciso ser negro ou ter o cabelo cacheados.Basta ter vontade de mudar o visual e destacar entre as tantas cabeleiras alisadas ou com chapinha.
A tradição veio da Àfrica, onde as traças eram bem mais simles d=o que simples adornos para cabeça.
A maneira de trançar os cabelos podia indicar status social e até sinalizar que a pessoa em questão estava interessada em se casar.
No Brasil, as tranças estão ligada ao mundo da música, da moda, e fazem sucesso com brancas e negras.
Além de modernizar a cabeça, reduzem o volume excessivo dos cabelos crespíssimos, ajudam os fios a crescer e protegem contra as agressões do dia a dia.Duram em torno de seis meses e podem ser feitas rente ao couro cabeludo-a chamada trança de raiz-ou com duas ou três pontas.

 Agradecimento:Salão de beleza Negra Rô 
Postar um comentário